terça-feira, 22 de outubro de 2013

NOTIFICAÇÃO EXTRAJUDICIAL

NOTIFICAÇÃO EXTRAJUDICIAL

Cascavel/PR,22 de outubro de 2013.


à Sra.
ALEXANDRA SILVA

Ref. violação de direito autoral do site www.alfaconcursos.com.br


Prezada Senhora:


Constatamos que Vossa Senhoria tem feito uso indevido de nosso material didático e de nossas vídeoaulas (AlfaCon – Concursos Públicos), comercializando-as ao público. Ocorre que tal prática configura-se violação de direito autoral e usurpação de nome alheio, classificados como crimes contra a propriedade intelectual a teor do Código Penal (Lei nº 2.848/1940):

Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos:
Pena – detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa.
§ 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente:
Pena – reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa.
§ 2o Na mesma pena do § 1o incorre quem, com o intuito de lucro direto ou indireto, distribui, vende, expõe à venda, aluga, introduz no País, adquire, oculta, tem em depósito, original ou cópia de obra intelectual ou fonograma reproduzido com violação do direito de autor, do direito de artista intérprete ou executante ou do direito do produtor de fonograma, ou, ainda, aluga original ou cópia de obra intelectual ou fonograma, sem a expressa autorização dos titulares dos direitos ou de quem os represente.
§ 3o Se a violação consistir no oferecimento ao público, mediante cabo, fibra ótica, satélite, ondas ou qualquer outro sistema que permita ao usuário realizar a seleção da obra ou produção para recebê-la em um tempo e lugar previamente determinados por quem formula a demanda, com intuito de lucro, direto ou indireto, sem autorização expressa, conforme o caso, do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor de fonograma, ou de quem os represente:
Pena – reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa.
§ 4o O disposto nos §§ 1o, 2o e 3o não se aplica quando se tratar de exceção ou limitação ao direito de autor ou os que lhe são conexos, em conformidade com o previsto na Lei nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998, nem a cópia de obra intelectual ou fonograma, em um só exemplar, para uso privado do copista, sem intuito de lucro direto ou indireto.

Assim, notificamos Vossa Senhoria para que faça cessar, no prazo de 24 (vinte e quatro) horas a contar do recebimento desta mensagem, qualquer alusão à materiais, aulas, apostilas, logomarcas, símbolos, sons, imagens, textos, menções, links, ou qualquer outro relacionado ao Grupo AlfaCon, sob pena de adotarmos todas as medidas judiciais cabíveis, inclusive para apuração do crime perpetrado, da fixação de multa diária pelo descumprimento e da reparação dos danos materiais e morais sofridos por conta do fato narrado.

Atenciosamente,



Grupo AlfaCon

Jafar Sistema de Ensino e Cursos Livres S.A.

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Foco na Notícia

Petrobras tem nota de crédito rebaixada por dívidas e caixa negativo
A avaliação foi feita pela agência Moody's, de classificação de risco.
Brasil também teve sua nota reavaliada de positiva para estável.


Na noite de quinta-feira (3), uma das principais agências de classificação de risco, a Moody´s, rebaixou a nota de crédito da Petrobras por preocupações com o endividamento e o caixa negativo da empresa. Ironicamente, a má notícia chegou bem no dia em que a empresa completa 60 anos.
A decisão de rebaixar a nota reflete o elevado endividamento e a expectativa de que a empresa continue a ter grande fluxo de caixa negativo nos próximos anos. As agências de classificação de risco atribuem notas a uma empresa ou país, sinalizando quem oferece risco aos investidores.
O Brasil é considerado seguro. No entanto, a Moody’s também decidiu reavaliar a nota brasileira - que foi mantida - mas agora passou de perspectiva "positiva" para "estável". “Por motivos diretos, o grau de investimento continua valendo, mas a perspectiva é de redução da classificação de risco e isso deixa os investidores um pouco mais conservadores em relação à economia brasileira”, afirma Luis Afonso Lima, presidente da agência Sobeet.
A Moody’s justificou a decisão com base no alto endividamento do setor público, na queda dos investimentos e nas evidências de que a economia caminha para um período prolongado de baixo crescimento.
Este foi o segundo sinal das agências de classificação de risco de que os fundamentos da economia brasileira estão piorando. Em junho, outra agência, a Standard and Poors já tinha rebaixado a perspectiva da nota do Brasil. Para os economistas, a decisão agora da Moody’s reforça a necessidade de mudanças por aqui. “Na frente fiscal, você diminui o endividamento do setor público e, em segundo lugar, favorece a perspectiva de exportações. Ao tornar as exportações e as empresas brasileiras mais competitivas no exterior, nosso déficit de transações correntes pode não aumentar como está aumentando nos últimos meses”, complementa Luis Afonso Lima, da Sobeet.
Já o economista André Perfeito, da Gradual Investimentos, aponta como o grande entrave a falta de um projeto que possa fortalecer a imagem do Brasil diante dos investidores. “O maior problema, insisto nesse ponto, é a falta de um projeto, de uma visão de pais que seja suficientemente forte pra atrair investidores e aumentar o otimismo com a economia brasileira. O governo não está conseguindo trazer esse otimismo tanto para a classe empresarial como também para os investidores estrangeiros”, finaliza Perfeito.

Edição do dia 03/10/2013
04/10/2013 00h43 - Atualizado em 04/10/2013 01h18

domingo, 13 de outubro de 2013

domingo, 22 de setembro de 2013

quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Aulão de Exercícios

Aulas "Direto ao Ponto"

18/09

19/09

20/09 - parte 1 - parte 2
(a aula do dia 20/09 não está completa, pois tive problemas com a gravação... se alguém tiver gravado, por favor me passa!!!)



Ainda não consegui o PDF...

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

sexta-feira, 13 de setembro de 2013

A Notícia Mais Aguardada!!!

Anunciado concurso para técnico bancário! Edital  ainda este ano
(fonte: Folha dirigida)

Uma das palestras mais aguardadas da 4ª Feira da Carreira Pública & Mercado de Trabalho, evento realizado pela FOLHA DIRIGIDA, na Firjan, no Centro do Rio de Janeiro, trouxe uma ótima notícia para os concurseiros. Em sua palestra "A carreira na Caixa", proferida na tarde desta quinta, 12 de setembro, o representante da Diretoria Executiva de Gestão de Pessoas e Gerente Nacional de Remuneração e Benefícios da instituição, Salomão Azulay, anunciou a abertura de um novo concurso para técnico bancário, cargo de nível médio, ainda este ano. "O nosso planejamento interno é lançar o edital até dezembro, porque ano que vem é ano eleitoral e, por isso, o prazo é curto, já que podemos contratar somente até o meio do ano. Pode ser que haja uma reformulação no processo de concurso. Por exemplo, a titulação poderá servir como classificação", explicou.

O último concurso para técnico bancário da Caixa foi realizado em 2012, sob organização da Fundação Cesgranrio. Apesar de ter sido inicialmente destinado apenas à formação de cadastro de reserva, até o início deste ano, 6.756 aprovados para o cargo já haviam sido convocados. O cargo de nível médio rompeu a barreira de um milhão de concorrentes, reunindo 1.086.514 inscritos - enquanto os três de nível superior somaram 69.958. Na ocasião, os candidatos a técnico foram avaliados por prova objetiva composta por 60 questões, sendo 30 de Conhecimentos Básicos e 30 de Conhecimentos Específicos. Em Conhecimentos Básicos, foram cobradas as matérias de Língua Portuguesa, Matemática, Atualidades, Ética, Atendimento, História e Estatuto da Caixa e Legislação Específica. Já os conteúdos específicos foram pedidos Conhecimentos Bancários e Noções de Informática. Houve ainda uma Redação. A remuneração para técnico é de R$2.649,24, já com R$435,16 de auxílio-alimentação/refeição, e de R$339,08 de auxílio cesta-alimentação. A contratação dos funcionários é sob regime celetista.

De acordo com Azulay, até o fim do ano, a Caixa contará com cerca de 99 mil empregados. "Somos o banco brasileiro que mais contrata pessoas - a velocidade de contratação é grande. Nos últimos 12 meses, 12.500 pessoas foram contratadas, sendo mil no Rio de Janeiro (das 4.600 aprovadas no último concurso). Somos também o único banco que tem estrtáegia de expansão. Hoje há 63.700 pontos de atendimentos e abrimos, em média, três agências a cada dia útil. Em junho do ano passado tínhamos 89 mil agências e, em junho desde ano, passamos para 95.632", citou. O palestrante também expôs os benefícios do banco e falou sobre a importância de se construir uma carreira. "Só há três palavras que vocês não podem esquecer nesta palestra: foco, escolha e preço. Todo mundo paga um preço pelas escolhas, que são feitas de acordo com o foco de cada um. Você é dono da própria carreira. Então, é preciso assumir o próprio destino. A carreira é o caminho que se tem a trilhar", disse. Ele explicou que, apesar de haver influências externas para se fazer determinada escolha, quem tem a possibilidade de optar pela carreira é a própria pessoa. "Quando escolhemos uma carreira, acaba havendo a influência de família, finanças, amigos, trabalho, lazer, fatores físico e emocional/intelectual. Mas não depende de ninguém, quem escolhe é cada um de nós", completou.

E, para se construir essa carreira, o palestrante coloca a Caixa como um grande recurso. "O responsável pelo planejamento e desenvolvimento da carreira é a pessoa. O dever da Caixa é disponibilizar todos os instrumentos para essa carreira, recursos que apóiem o empregado na construção de uma carreira. Ao ser admitido no banco, o funcionário passa por progressão de diferenças salariais, a partir de uma avaliação por mérito, participando do plano de cargos e salários", afirmou, contando que a Caixa oferece 63 benefícios, dos quais 22 são legais e o restante é iniciativa do banco, para ser um diferencial diante do mercado atual.

O diretor também mostra que há funções gratificadas dentro da instituição. "São as atribuições de maior complexidade e responsabilidade, ocupadas em caráter transitório. Dentro dessas funções, há o plano de funções gratificadas, que, inclusive dá suporte para planejamento de trajetória profissional, com movimentação dessas funções, ou seja, o funcionário pode mudar de funções e metas dentro da Caixa. A cada três empregados do banco, dois têm função gratificada."

quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Dica do Dia!!!

Olá concurseiros!

Hoje vai a dica de mais um site com amplo conteúdo para vários concursos:

IOB Concursos

terça-feira, 10 de setembro de 2013

Atualidades

Olá!

Encontrei um site ótimo pra estudarmos atualidades, já que a Caixa cobra atualidades gerais e não só do Sistema Financeiro...

UOL Vestibular

sábado, 7 de setembro de 2013

Aulão de Atualidades

Aula do dia 04/09


4Shared:         parte 1 (.FLV)         parte 2 (.FLV)

PDF aqui

terça-feira, 3 de setembro de 2013

Crédito Rural (Atualizando...)

"Caixa vai liberar R$ 3,7 bilhões para crédito rural"


Tradicional reduto do Banco do Brasil , crédito rural ganha concorrente de peso.

Com a publicação da Resolução BACEN 4.096, de 28/06/2012 a CAIXA passou a integrar a relação de instituições financeiras que operam as linhas de Crédito Rural. A CAIXA iniciou a sua atuação no agronegócio em setembro de 2012, com um projeto piloto desenvolvido em 62 agências de oito estados brasileiros. Inicialmente, foram atendidos produtores rurais pessoa física e jurídica, cooperativas e produtores com relacionamento junto ao agronegócios para o financiamento das culturas de milho e soja e às atividades de pecuária, bovinocultura de leite e de corte. A estratégia de atuação da CAIXA incluiu além do atendimento aos produtores rurais nas agências, o atendimento às cooperativas de produção agropecuária, de forma a contemplar também os seus cooperados.

A Caixa Econômica Federal vai ampliar as suas operações de crédito rural. já para a safra 2013/2014 que se iniciou no dia 1º de julho, o banco irá aplicar mais de R$ 3,7 bilhões em recursos destinados ao custeio agrícola e pecuário e a operações de investimento em máquinas / equipamentos, aquisição de animais e projetos de infraestrutura rural. As linhas de crédito rural estão disponíveis em cerca de mil agências da Caixa, distribuídas por todas as capitais e cidades com forte atuação no agronegócio.

O objetivo será oferecer processos ágeis, com procedimentos simplificados para Operações de Custeio de até R$ 300 mil.

Para a notícia na íntegra acesse: www.caixa.gov.br e www.creditoruralcaixa.com.br

Português (todas as aulas)

Aulas de Português (completo)

São 5 arquivos por aula + o PDF

Aula 1:
parte 1  -  parte 2  -  parte 3  -  parte 4  -  parte 5  -  PDF

Aula 2:
parte 1  -  parte 2  -  parte 3  -  parte 4  -  parte 5  -  PDF

Aula 3:
parte 1  -  parte 2  -  parte 3  -  parte 4  -  parte 5  -  PDF

Aula 4:
parte 1  -  parte 2  -  parte 3  -  parte 4  -  parte 5  -  PDF



domingo, 1 de setembro de 2013

Conhecimentos Bancários (30/08)

Olá pessoal!!!

Uma boa alma me passou a aula do dia 30/08, completa, sem cortes e sem erros!
Gostaria de agradecer aqui a pessoa que a compartilhou comigo!



Aula do dia 30/08



PDF aqui

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Foco na Notícia

Notícia do mês de Maio, mas que não pode ser esquecida...


"Fundo Garantidor de Crédito eleva garantia de 70 mil para 250 mil"

O Fundo Garantidor de Crédito (FGC) elevou seu limite de cobertura de 70 mil para 250 mil reais para cadernetas de poupança, depósitos à vista ou a prazo e outros títulos. É o caso de CDBs e Letras de Crédito Imobiliário (LCI).

Não podemos esquecer que a cobertura foi estendia às Letras de Crédito do Agronegócio (LCA), antes excluída da lista de produtos cobertos.

Outro detalhe que não se pode deixar passar é que a cobertura é por CPF, ou seja, independente do número de contas do correntista, caso o banco quebre, ele receberá de volta  até 250 mil reais.


Comunicado:


Para a notícia na íntegra, clique aqui.

Site do FGC

Redação

Aula de Redação do dia 28/08

Parte 1

Parte 2


PDF aqui

Café com Letras



Bom dia concurseiros!

Em primeiro lugar, obrigada pelas inúmeras mensagens motivadoras no face e pelas dicas deixadas aqui no blog!

Segundo... cliquem em seguir na lateral do blog que assim vocês recebem notificações das atualizações!!!

Por fim, vamos ao que interessa... O professor de português das aulas aqui postadas deu a dica de que devemos ler poemas de alguns autores como Ferreira Gullar, Drummond, Cecília Meireles e... ah, agora esqueci o outro.

Mas, resolvi colocar aqui um poema do Ferreira Gullar - "Dois e dois são quatro", para lermos e quem se animar, por que não analisar o poema pra já praticarmos interpretação de textos?


"Dois e Dois São Quatro

Como dois e dois são quatro 
Sei que a vida vale a pena 
Embora o pão seja caro 
E a liberdade pequena 
Como teus olhos são claros 
E a tua pele, morena 
como é azul o oceano 
E a lagoa, serena 

Como um tempo de alegria 
Por trás do terror me acena 
E a noite carrega o dia 
No seu colo de açucena 

- sei que dois e dois são quatro 
sei que a vida vale a pena 
mesmo que o pão seja caro 
e a liberdade pequena."


quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Foco na Notícia (Atualidades...)

"Juros sobem para 9% e poupança rende mais com volta ao padrão antigo"

Para quem nem se lembra mais que a poupança tem rendimento, (apenas uma pitada de ironia da minha parte), segundo a regra de remuneração da Caderneta de Poupança, que entrou em vigor no ano passado devido a queda nos juros, a fim de que investidores não deixassem os títulos de lado e partissem para o investimento na poupança, quando os juros básicos da economia (taxa Selic) fossem iguais ou menores que 8,5% ao ano, a caderneta renderia apenas 70% da Selic mais a TR (taxa referencial).

Com a decisão unânime do COPOM (Comitê de Política Monetária) em elevar a taxa em 0,5% (meio ponto percentual), a Selic passa para a casa dos 9% a.a. e a Poupança volta a obedecer a antiga regra de rendimento (0,5% ao mês ou 6,17% ao ano), mais a variação da TR.

Para a notícia na íntegra, clique aqui.


Conhecimentos Bancários!!!

Aula 1 (19/08)
Parte 1
Parte 2

Aula 2 (26/08)
Parte 1
Parte 2

PDF aqui

Matemática

Aula 1 (16/08)


Aula 2 (23/08)
Parte 1
Parte 2
Parte 3
Parte 4

PDF aqui

Informática

Aula 1 (24/07)
aqui

Aula 2 (31/07)
aqui

Aula 3 (07/08)
aqui

Aula 4 (14/08)
aqui

Aula 5 (21/08)
parte 1
parte 2

PDF aqui

Aula de Ética

Aula única


PDF aqui

Aulas... Código de Defesa do Consumidor

Aula 1 (26/07)
aqui

Aula 2 (02/08)
aqui

PDF aqui

Aulas... Português

As aulas postadas aqui são voltadas para os concursos do BB e da CEF!

Aqui estão os links das aulas gratuitas gravadas:

Português:

Aula 1 (22/07):
aqui

Aula 2 (29/07):
parte 1
parte 2
parte 3
parte 4

Aula 4 (12/08):
aqui


PDF aqui



Inaugurando...


Hoje decidi criar um blog. Mas não é um blog qualquer apenas para postar bobagens ou sentimentalismos. É um blog de estudos. Sim, estudar é bom, alimenta a mente e ainda pode te ajudar a conquistar um emprego melhor. Por que não?

A finalidade inicial deste blog será a de compartilhamento de materiais de estudo e experiências (dúvidas e críticas também serão bem vindas). Disse “finalidade inicial” porque como nada é imutável, a razão de ser desta página também pode ser alterada de acordo com a necessidade.

Foco no Concurso. Um nome sem muita originalidade, mas o que seria ‘original’ no mundo virtual de hoje? Não consigo pensar em nada inédito no momento.

Enfim, se terá seguidores ou não só o tempo dirá.

Agora, se me derem licença, vou alimentar o blog!